Tudo junto e misturado

terça-feira, 1 de setembro de 2009

Canção de junto do berço

Não te movas, dorme, dorme
O teu soninho tranquilo.
Não te movas (diz-lhe a noite)
Que inda está cantando um grilo...

Abre os teus olhinhos de ouro
(O dia lhe diz baixinho).
É tempo de levantares
Que já canta um passarinho...

Sozinho que pode um grilo
Quando já tudo é revoada?
E o dia rouba o menino
No manto da madrugada...

Mario Quintana

Nenhum comentário:

Postar um comentário

José Serra, os porquinhos e a matemática.

Esses videos mostram como se faz necessário a saída do sapo barbudo analfabeto e ignorante, para a entrada de alguém culto e versado em todos os assuntos.

Arquivo do blog

Contador de visita

Não é novela mas se quiser seguir fique a vontade