Tudo junto e misturado

segunda-feira, 22 de março de 2010

Juros bancários

Será que ainda não precisa de diploma para se jornalista? Porque pra fazer a merda que esses caras fazem, e ainda dizem que é jornalismo, eu também sou capaz de fazer, faria bem melhor.
Acabo de ler uma reporcagem no estadão, sobre os juros bancários, onde o pseudo-jornalista faz a manchete agrada patrão. A manchete dele diz que os bancos públicos lideram a alta nos juros. Eu não vi esse desgraçado, no ápice da crise, fazer manchete dizendo que os bancos públicos lideravam a queda nos juros.
Ele escreve para quem só lê manchetes, esses ele pega, lá no fim da reporcagem ele fala que os bancos públicos ainda estão com suas taxas mais baixas que os bancos privados.
É absolutamente normal que os bancos públicos movimentem para cima suas taxas, afinal há um looby desgraçado para forçar um aumento da taxa selic, e a ameaça cantada em prosa e verso por todos os economistas é a volta da inflação. Ora se eles dizem que a inflação pode voltar, por conta de um superaquecimento do consumo, nada mais normal que os bancos públicos, que por serem públicos devem servir aos interesses do governo, como fizeram durante a crise baixando as taxas, aumentem agora para ajudar a conter o consumo e impedir a volta da inflação causada por uma bolha de consumo. Não é o que eles queriam? Não né, eles querem é o aumento da selic, pois então é só os bancos privados baixarem suas taxas para provocar uma bolha de consumo, hehe. Afinal são eles que querem que a selic aumente.


Escrito por Sandro Stahl

Nenhum comentário:

Postar um comentário

José Serra, os porquinhos e a matemática.

Esses videos mostram como se faz necessário a saída do sapo barbudo analfabeto e ignorante, para a entrada de alguém culto e versado em todos os assuntos.

Arquivo do blog

Contador de visita

Não é novela mas se quiser seguir fique a vontade